Hoje pode

Para que serve a cebola piqué? Carole Crema explica e ensina a fazer

A cebola piqué, segundo Carole Crema, é a responsável por garantir aroma e cremosidade inigualáveis ao molho bechamel; saiba fazer:

Carole Crema, com BandNews FM

Carole Crema

Dicas gastronômicas simples, do dia-a-dia, sem complicação, que todo mundo pode colocar em prática estão na coluna da chef, que é formada pela Thames Valley University e The Moisimann Academy, ambos em Londres, e pelo instituto La Cultura Alimentari, em Milão.

Para que serve a cebola piqué? Carole Crema explica e ensina a fazer
Para que serve a cebola piqué? Carole Crema explica e ensina a fazer
Envato Elements

Hoje, vou contar uma curiosidade. Dias atrás, estava dando aula – eu leciono na escola Wilma Kovesi de Cozinha, no curso técnicas culinárias para chefs – e falava sobre o molho bechamel (clique aqui para aprender a receita). O bechamel é um molho clássico da cozinha, feito à base de leite e com um espessante que é o roux

O roux, pra quem não sabe, é a farinha de trigo com manteiga e um aromatizante, que se chama cebola piqué: a cebola com um pouquinho de cravo-da-Índia.

Essa cebola especial é a responsável pelo aroma do molho. E como é que a gente faz? Anote:

Você vai pegar 1 cebola pequena – não precisa ser grande –, e descascar. Não vai tirar o carocinho, nem cortar, só descascar mesmo. Separe também 1 folha de louro e 2 unidades de cravo-da-Índia. 

Prenda, na cebola, os cravos com a folha de louro e leve-a para o molho em fusão. 

Então, dica: tudo o que você for fazer que tenha base cremosa de leite salgado, obviamente, experimente colocar essa cebola desde o início do preparo, temperando [o molho] com sal e pimenta-do-reino.

Deixe-a cozinhar junto do molho, até perceber que ele vai soltando um aroma e atingindo uma cremosidade... juro! Eu sei que parece coisa de louco, mas um dia faça essa experiência!

No vídeo abaixo, aprenda a fazer o molho bechamel:


E você também pode mandar as suas perguntas ou pedir receitas pelo e-mail: hojepode@bandnewsfm.com.br; nas redes sociais, @carolecrema. Participe!