Dicas

Benefícios do chocolate: saiba por que o doce faz bem à saúde

No Dia Mundial do Chocolate, você descobre qual tipo do doce pode prevenir doenças cardiovasculares

Da Redação

Saiba por que chocolate faz bem à saúde
Saiba por que chocolate faz bem à saúde
Envato Elements
Topo

Ao contrário do que muitos pensam, o chocolate não é o grande vilão da boa alimentação. O doce, amado no Brasil e no mundo, pode fazer bem à saúde, sim. No Dia Mundial do Chocolate, celebrado nesta quinta-feira (7), nutricionistas explicam ao Band Receitas como essa delícia pode colaborar para as funções cardiovasculares e prevenir doenças como hipertensão.

No entanto, especialistas afirmam que apenas os chocolates com alta porcentagem de cacau na composição (70% ou mais) podem contribuir para a saúde. Chocolate ao leite e chocolate branco, por exemplo, que são ricos em açúcares, gorduras e leite, não oferecem os mesmos benefícios.

Benefícios do chocolate para a saúde

O chocolate é um dos alimentos poderosos que fazem bem ao coração. O cacau possui grande quantidade de flavonoides, que têm propriedades antioxidantes. 

Os antioxidantes são aliados do pleno funcionamento do nosso organismo, pois auxiliam na proteção do sistema cardiovascular e cerebral. Essas substâncias também previnem o envelhecimento precoce da pele.

Conheça outras funções positivas do chocolate com alto teor de cacau:

  • Melhora no humor (o cacau é fonte de triptofano, que é precursor da serotonina, um neurotransmissor essencial para o nosso bem-estar emocional);
  • Combate ao colesterol “ruim” (LDL) e aumento do colesterol “bom” (HDL);
  • Diminuição da pressão arterial;
  • Auxílio na regulação da função intestinal.

Qual o consumo ideal de chocolate?

Profissionais da saúde recomendam a ingestão de apenas 30g (um “quadradinho”) por dia de chocolate com 70% ou mais de cacau na composição. O consumo pode ser diário desde que seja com moderação.

*Com informações das nutricionistas Ana Luisa Duque Vieira, da Pineapple Medicina Integrada, Viviane Gomes, do Instituto Castro, e Raquel Awade.