Como fazer a mandioca frita perfeita e bem sequinha: Jacquin dá a dica

Da Redação, com Minha Receita 04/12/2020 • 09:49 - Atualizado em 04/12/2020 • 12:48
Rainha do Brasil, a mandioca é tradicional de Norte a Sul e garante muito sabor ao prato dos brasileiros
Rainha do Brasil, a mandioca é tradicional de Norte a Sul e garante muito sabor ao prato dos brasileiros
Luccas Mattos/Vibra Estúdio

De Norte a Sul do Brasil, se existe algo que é frequente na mesa dos brasileiros (além do arroz e do feijão, claro), é a mandioca. No último episódio do Minha Receita, exibido pela Band na quinta-feira, 3,  Jacquin e sua equipe foram descobrir quais são os segredos para preparar o tubérculo e quais são suas variações ao redor do mapa. O chef fez questão de ensinar uma receita caprichada. Veja dicas:

Acerte na escolha do produto
A mandioca não pode ser muito grande, grossa, longa ou fibrosa demais. Tudo depende do que você vai fazer com ela, da receita e do modo de preparo. Eu, por exemplo, adoro comprar e comer mandioquinha, que é da mesma família. 

Se for fritar, deixe crocante e sequinho
Fique de olho na temperatura do óleo. Minha sugestão é fazer em dois banhos, um mais frio, a cerca de 150°C, como se faz com a batata frita. O outro banho de óleo deve ser mais forte e quente pra deixar ela mais dourada. Por fim, deixe a mandioca em cima de um papel absorvente para escorrer.  

Mandioca desmanchando
Cozinhe por muito tempo na água, de forma devagar e com um pouquinho de manteiga. Se puder, escolha uma panela de pressão e deixe por cerca de 15 minutos, mas tudo depende da quantidade do tubérculo que vai ser usada, da panela e do tempo. Para saber se chegou ao ponto, enfie uma faca e veja se ela desmancha. Finalize com manteiga de garrafa, fica uma delícia. 

Combine com outras receitas
Quase tudo vai bem com a mandioca. Eu, particularmente, adoro comer com carne seca desfiada. Outra receita de sucesso, ensinei no programa, anote aí: frango assado na crosta de sal com mandioca na manteiga de garrafa e farofa de bacon.